Justiça dos EUA define audiência de Jean para esta quinta-feira

A audiência do goleiro Jean, do São Paulo, preso nesta quarta-feira acusado de agressão a sua esposa, está marcada para esta quinta-feira, às 15h (horário de Brasília), em Orlando, nos EUA. O clube paulista, por sua vez, já decidiu rescindir o contrato do goleiro, que iria até dezembro de 2022.

A Justiça dos EUA irá definir se o caso de agressão do jogador de 24 anos é passível de fiança ou não. Segundo o advogado brasileiro Alvaro Gubert, que atua no estado americano, em casos semelhantes a justiça americana determina um valor de fiança a ser pago pelo acusado.

O valor geralmente varia de US$ 1,5 mil (cerca de R$ 6 mil) a US$ 5 mil (R$ 20 mil), segundo o advogado, a depender do pedido da promotoria, que leva em consideração o tipo de crime, a violência empregada e a condição econômica de quem está preso.

Uma vez paga a fiança, Jean poderá retornar ao Brasil. O processo será levado à frente – e isso independe de a vítima voltar atrás nas acusações. O goleiro poderá constituir advogado na Flórida para defendê-lo por procuração.

Jean agrediu a esposa Milena Bemfica com oito socos e foi algemado pela polícia, de acordo com a declaração de prisão registrada pelo Xerife do Condado de Orange, na Florida. O GloboEsporte.com teve acesso ao documento que detalha o episódio (veja abaixo a íntegra do documento traduzido).

O empresário de Jean, Paulo Pitombeira, sabe que o São Paulo está decidido a rescindir o contrato do jogador. Um advogado acompanha o goleiro nos Estados Unidos, onde Jean terá audiência nesta quinta-feira para definir seu futuro e uma eventual fiança. Outro advogado do jogador, Breno Tanuri, cuida dos detalhes jurídicos da rescisão no Brasil.

 

Fonte: Globo Esporte

Um comentário em “Justiça dos EUA define audiência de Jean para esta quinta-feira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.