Com interino, São Paulo recebe o Red Bull para avançar como líder

A partir das 17 horas (de Brasília) deste domingo, no Morumbi, o São Paulo enfrentará o Red Bull Brasil, pela 12ª e última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista. Tentando se reerguer após a derrota para o Palmeiras, o Tricolor terá como principal novidade a presença de André Jardine, ex-técnico do sub-20, no comando interino do time profissional.

Com o substituto temporário de Dorival Júnior, o São Paulo entrará em campo já classificado às quartas de final. A equipe lidera o Grupo B da competição, com 14 pontos ganhos, empatada com o São Caetano, seu adversário na próxima fase.

A partida contra o Red Bull, portanto, ganha em importância em função da disputa pela ponta da chave. Caso vença pela vantagem mínima, por exemplo, o Tricolor praticamente garantiria o direito de fazer o jogo de volta do mata-mata no Morumbi, já que o São Caetano precisaria golear o Bragantino fora de casa por sete gols de diferença.

Com apenas dois treinos preparatórios para a partida, Jardine espera ajudar o Tricolor a se reabilitar do revés no Choque-Rei. “A gente vai tentar fazer alguma diferença, para que o time jogue melhor do que vem jogando e vença o próximo jogo”, projetou o auxiliar permanente do São Paulo.

Para esse embate, o São Paulo deverá ir a campo com muitas mudanças. André Jardine optou por poupar Cueva, Hudson e Éder Militão. Desta maneira, Bruno é a única opção para a lateral-direita, enquanto Shaylon, que entrou bem no clássico da última quinta-feira contra o Palmeiras pode ganhar uma chance entre os titulares.

O Red Bull, por sua vez, entrará em campo meramente para cumprir tabela. Terceiro colocado do Grupo D com 13 pontos, o clube sediado em Campinas não tem mais chances de classificação, uma vez que o vice-líder Botafogo-SP soma 16 pontos e possui duas vitórias a mais.

Assim, o confronto no Morumbi servirá para outros fins. “O objetivo é fazer um bom Troféu do Interior, tentar buscar o título. O campeonato oferece uma vaga na Copa do Brasil e passa a ser a meta principal do clube”, projetou o técnico Ricardo Catalá. “Esse time deveria ter ido mais longe. Nós perdemos pontos no começo do campeonato em partidas que tivemos a condição de vencer”, lamentou.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO X RED BULL BRASIL

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 11 de março de 2018, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho
Assistentes: Fabricio Porfirio de Moura e Enderson Turbiani da Silva

SÃO PAULO: Jean; Bruno, Arboleda, Rodrigo Caio e Júnior Tavares; Petros e Shaylon; Paulo Boia, Brenner e Valdívia; Tréllez (Diego Souza)
Técnico: André Jardine (interino)

RED BULL BRASIL: Julio Cesar; Everton Silva, Anderson Marques, Tiago Alves e Breno Lopes; André Castro, Doriva e Éder Luis; Deivid, Claudinho e Edmilson
Técnico: Ricardo Catalá

 

Fonte: Gazeta Esportiva

3 comentários em “Com interino, São Paulo recebe o Red Bull para avançar como líder

    • Amigo, a quantidade de títulos ganha por um treinador não é a única maneira de se avaliar sua capacidade. Quantos títulos, como treinador, tinha o Zidane quando foi contratado para ser técnico do Real Madri? Era início de carreira? Era, mas a realidade é que, para um treinador, cada novo clube é um reinício de carreira. Quem sabe não vai ser agora que ele, Aguirre, vai começar a conquistar grandes titulos em sua carreira. Quando o Tele chegou para o S.Paulo, veio com a maior fama de “pé frio” por não ganhar nada de importante…

      • Você disse certo Zidane estava iniciando sua carreira, estamos falando de treinador que está a mais de quinze anos.
        Torço para dar certo.
        Mas ao que tudo indica daqui a uns meses estaremos discutindo referendo a uma nova mudança

        Abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.