Além de Walce, Red Bull Bragantino quer Helinho

O Red Bull Bragantino já atua forte no mercado da bola. Com a intenção de montar um elenco forte para disputar a Série A do Campeonato Brasileiro, o clube do interior paulista está de olho em duas promessas reveladas nas categorias de base do São Paulo. Além da sondagem feita pelo zagueiro Walce, como publicou o UOL Esporte, Helinho também despertou o interesse do campeão da Série B.

O atacante, de 19 anos, subiu para o profissional quando o time era comandado por Diego Aguirre, ainda em 2018. Na época, logo em sua estreia, ele fez um belo gol logo na estreia como profissional, no empate por 2 a 2 com o Flamengo. Com o passar do tempo e a oscilação do Tricolor na temporada, ele perdeu espaço e passou a ser menos utilizado.

Neste ano, Helinho disputou somente 22 jogos e não balançou as redes. Ainda assim, ele chegou a despertar o interesse da Inter de Milão, da Itália. No início da temporada, os europeus chegaram a enviar funcionários para observar de perto o são-paulino. Porém, nenhuma proposta foi formalizada para tirá-lo do Morumbi.

Helinho tem contrato com o São Paulo até 30 de abril de 2023. O Tricolor vai fechar o ano com déficit considerável e tem uma folha salarial considerada alta. O Departamento de Futebol está pressionado a vencer jogadores e reduzir custos. Por isso, uma negociação não está descartada.

Com um orçamento aproximado de R$ 200 milhões, o Bragantino, em parceria com a empresa de energéticos, deve montar uma equipe para incomodar os grandes clubes da elite do futebol nacional. A ideia é investir exatamente em jogadores com o perfil de Walce e Helinho —considerados promissores, com idade baixa e possibilidade de revenda futura. A equipe já acertou, por exemplo, a contratação do atacante Alerrandro, da base do Atlético-MG, de apenas 19 anos. Ontem, também anunciou a contratação de um zagueiro equatoriano de 18 anos.

 

Fonte: Uol

8 comentários em “Além de Walce, Red Bull Bragantino quer Helinho

  1. O Bragantino tem gestão profissional (Red bull) mesma do Salzburg e Leipzig. Eles nao trazem jogador por empréstimo. Compram jovens com potencial desenvolvem e vendem. Estilo Porto e Ajax.

    Helinho e Walce tem muito potencial, não faz sentido vender.

    • Penso igual. Acho que o Helinho já foi bem testado e se não ocorrer uma tremenda transformação, não deve virar craque, no máximo vai acontecer o que aconteceu com o Tardelli.

      Já o Walce, que vai teve muitas oportunidades, é muito arriscado vender, sobretudo considerando que, diferente do ataque, que tem muitos concorrentes, na defesa não há muitas opções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.