SÃO PAULO X PONTE PRETA

Sobe

ROGÉRIO CENI: até para compensar a nota baixa que dei ao M1TO na última quarta-feira, dei 10 hoje e o coloco aqui. Fez duas grandes defesas, marcou um gol de pênalti, liderou da defesa e o time, foi o porta-voz de Ney Franco no campo. Enfim, foi o capitão que estamos acostumados a ver jogando pelo São Paulo.

LUCAS: sua volta deu outra vida ao time. O São Paulo mudou da água para o vinho. Ganhou corpo, tabelas, velocidade, jogadas em profundidade, finalizações, enfim, ele foi a marca que o São Paulo precisava para se encaixar. Só quero ver se, quando ele for embora, vão colocar alguma nota de 100 dólares para correr em seu lugar e fazer o que ele faz.

PAULO MIRANDA: é bem verdade que a defesa foi bem por inteiro e que o ataque da Ponte não é lá estas coisas. Mas Paulo Miranda fez uma partida sensacional. Começou como zagueiro pelo lado direito, onde vinha jogando bem e passou a lateral direito, onde também foi bem. Quase marcou um gol de placa. Aí seria demais para minha cabeça. Mas merece estar aqui.

 

Desce

CORTEZ: mais uma partida negativa desse jogador que, além de não atacar e defender mal, ainda recebeu um cartão amarelo – merecido – e está suspenso para a partida do próximo domingo, contra o Corinthians. Realmente sua fase não é nada boa.

DIRETORIA: continua merecendo presença aqui. É verdade que de quarta-feira para cá não fez nada de errado. Ao menos que eu saiba. Mas as bobagens foram tantas, que ela tem presença cativa nesse espaço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.