São Caetano 1 x 1 São Paulo

Sobe

ANTONY: o garoto ganhou a posição de titular, com todos os méritos. Fez um primeiro tempo muito ruim, no nível do time inteiro do São Paulo. Mas no segundo tempo chamou para si a responsabilidade, fez o que sabe fazer, partiu para cima do marcador, marcou um golaço e resolveu o problema para o São Paulo. Por isso tem que estar aqui e ser aplaudido.

THIAGO VOLPI: evitou a vergonha, que seria a derrota. Fez três grandes defesas. Está, aos poucos, ganhando confiança e dando segurança para o time e para o torcedor.

Desce

IGOR VINICIUS: meu Deus. Em determinado momento perguntei nas redes sociais se tinham avisado a ele que estava jogando. Provou que pode, no máximo, ser um reserva razoável para eventuais necessidades, mas não para uma sequência como titular.

REINALDO: quando voltou da Chapecoense vinha jogando bem. Jogar bem não significa dizer que é craque. Mas aí, nosso belo departamento de Comunicação inventou o tal de Kingnaldo. O sucesso subiu a cabeça e ele voltou a ser o Ruinaldo. Horrível.

GONZALO CARNEIRO: é esforçado, tem bom físico, mas não tem a menor intimidade com a bola. Foi mais uma trapalhada da dupla Aguirre/Lugano. E quem paga a conta é o São Paulo. No máximo reserva. Mas nem sei se consegue ser opção para mudar uma partida.

PABLO: hoje foi de doer. Até deu um belo chute a gol. Mas a maior parte do jogo passou sentado ou fazendo falta. Perdeu todas as jogadas, não se posicionou bem no ataque. Enfim, partida a esquecer.

 

Paulo Pontes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.