Sem Rogério Ceni, Douglas é único 100% em treino de pênaltis

douglas007

No último treino antes da partida contra o CSA, otécnico Muricy Ramalho colocou o elenco do São Paulo para treinar pênaltis, na tarde desta terça-feira. Eliminado pelo Penapolense do Campeonato Paulista justamente nas cobranças, há duas semanas, o Tricolor teve apenas o lateral direito Douglas com aproveitamento de 100% na atividade.

Assim que terminou o rachão no CT da Barra Funda, Muricy levou os dez titulares de linha e também Pabon para um campo ao lado, onde aperfeiçoou as cobranças de pênaltis. A ausência mais sentida foi a de Rogério Ceni, que, apesar de ser o batedor oficial, permaneceu em um treino técnico com os reservas. Além de não ter feito cobranças, o capitão também não se exercitou nas defesas dos pênaltis, mas tem presença certa no jogo.

Sem o goleiro, o lateral direito Douglas foi o grande destaque da atividade, pois converteu as cinco cobranças que teve, superando Denis e Renan Ribeiro, que se revezaram na tentativa de defender.

 

O zagueiro Antônio Carlos, o meio-campista Maicon e o atacante Osvaldo também se destacaram, com quatro gols e um erro cada. Já Alexandre Pato teve seis chances, convertendo quatro e falhando em duas. O atacante Luis Fabiano não teve bom desempenho, pois perdeu dois e fez apenas um.

Porém, o destaque negativo ficou para Álvaro Pereira e Souza. O uruguaio falhou os três que chutou, enquanto o meio-campista desperdiçou quatro e marcou apenas um. A única forma de a partida desta quarta-feira ser decidida nos pênaltis é em caso de vitória do CSA por 1 a 0 no Morumbi. O Tricolor precisa apenas do empate em casa, na noite desta quarta-feira, para avançar à segunda fase da Copa do Brasil.

Confira abaixo o desempenho de cada jogador:
Alexandre Pato – quatro gols e dois erros
Maicon – quatro gols e um erro
Ganso – dois gols e dois erros
Antônio Carlos – quatro gols e um erro
Osvaldo – quatro gols e um erro
Pabon – três gols e dois erros
Souza – um gol e quatro erros
Luis Fabiano – um gol e dois erros
Álvaro Pereira – três erros
Rodrigo Caio – três gols e um erro
Douglas – cinco gols

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*