São Paulo terá ajuda a Ganso e ‘novo-velho’ reforço contra Portuguesa

A campanha irregular do São Paulo no Paulistão – quatro vitórias em casa, três derrotas fora – já preocupa Muricy Ramalho. Com dificuldades, principalmente no setor do meio de campo, o treinador são paulino cobrou mais participação de Ganso. Para tentar resolver o problema, diante da Portuguesa, neste sábado, resolveu recrutar ajudantes para seu principal articulador.

Dorlán Pabón, atacante de origem, será escalado no meio de campo. Muricy quer apostar no vigor físico e nos chutes de longa distância do colombiano para aliviar a sobrecarga em seu camisa 10. Wellington e Souza, que completarão o quarteto no meio, terão a missão de dar estabilidade para os homens mais ofensivos.

No Morumbi, o São Paulo esperará, pelo menos, manter o 100% de aproveitamento dentro de casa no Paulistão. Se fora a situação está complicada, o objetivo é aproveitar os jogos diante da torcida: para isso, Muricy terá que, além de melhorar a transição do meio para o ataque, corrigir a defesa, que vem falhando e já sofreu dez gols.

Na retaguarda, Rodrigo Caio, suspenso, dará lugar a Roger Carvalho, que fara sua estreia com a camisa tricolor. O estreante está no elenco desde agosto do ano passado, mas uma ruptura no músculo posterior da coxa o impediu de jogar. Já na primeira partida, terá a missão de mostrar serviço: seu contrato termina em abril, após o Campeonato Paulista.

O uruguaio Alvaro Pereira também recebeu o terceiro amarelo e é desfalque. Seu substituto, porém, será um velho conhecido da torcida, Reinaldo, titular durante a maior parte do ano passado. Na frente, Ademilson faz companhia a Luis Fabiano – Osvaldo foi sacado do time, e pode ser envolvido em uma troca com Wagner, do cruzeiro.

Uma derrota na noite deste sábado pode fazer com que o clube do Morumbi perca a liderança do Grupo A. Com 12 pontos, está na frente do Penapolense apenas pelo saldo de gols. O adversário na briga pela ponta recebe o Santos, no domingo, em Penápolis.

Portuguesa

Depois do polêmico rebaixamento na Justiça Desportiva no Brasileirão do ano passado, a Portuguesa teve um começo difícil no estadual: quatro derrotas e um empate nas primeiras cinco rodadas. Argel assumiu o cargo de técnico e duas vitórias seguidas, com sete gols marcados, vieram depois, em um começo de reabilitação.

Para cumprir a dura missão de manter a arrancada em pleno Morumbi, diante do São Paulo, a Lusa conta com o atacante Henrique, que marcou três vezes nas últimas duas partidas e é o artilheiro da competição, com seis gols.

FICHA TÉCNICA

Data/hora: 15/02/2014, às 21h00 (de Brasília)
Local: Morumbi, em São Paulo
Árbitro: Flávio Rodrigues Guerra
Assistentes: Herman Brumel Vani e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa

SÃO PAULO
Rogério Ceni; Luis Ricardo, Roger Carvalho, Antônio Carlos e Reinaldo; Wellington, Souza, Ganso e Pabon; Ademilson e Luis Fabiano
Técnico: Muricy Ramalho

PORTUGUESA
Tom; Régis Souza, Willian Magrão (Diego Augusto), Gustavo e Bryan; Diego Silva, Rondinelly, Wanderson e Renan; Henrique e Leandro Banana
Técnico: Argel Fucks

 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*