São Paulo tenta respirar com vitória no Paulista em meio à crise

O São Paulo tenta esquecer por alguns momentos toda a crise na qual se envolveu no meio da semana passada, após a derrota por 2 a 1 para o The Strongest, pela Libertadores. Com time misto, Ney Franco desafia o Botafogo, em Ribeirão Preto, time que ainda luta por algo que a equipe do Morumbi já tem: a vaga na fase de mata-mata do Paulistão.

Os escolhidos para ficarem de fora foram Rogério Ceni, Paulo Miranda, Rafael Tolói, Edson Silva, Carleto, Denílson e Paulo Henrique Ganso. Isso sem contar Jadson e Osvaldo, que foram convocados pela seleção e ganharam dispensa e Luis Fabiano, que está com trauma na panturrilha esquerda.

Até por causa disso, Denis deve ganhar espaço no gol, Cortez volta a atuar pela esquerda e Lúcio novamente defenderá sua meta. À frente, Wallyson tenta buscar seu primeiro gol com a camisa do São Paulo.

“Estou procurando ajudar da melhor maneira possível. Com dedicação, com entrega, com passes. Espero seguir crescendo para fortalecer ainda mais a equipe. Luis Fabiano é nosso goleador, nosso homem de referência e jogar ao lado dele é muito fácil. Infelizmente ele não poderá jogar, mas o time está preparado e vai se sair bem”, disse ele.

Do outro lado, o trunfo do Botafogo é apostar na ótima campanha no Estádio Santa Cruz, com aproveitamento na casa dos 90%. O desfalque será o de Fabio Gama, suspenso. Em contrapartida, o time terá a volta de Cris e Zé Antônio, que cumpriram a suspensão contra o Ituano.

A expectativa de Marcelo Veiga é que o time consiga repetir o desempenho que tem se acostumado a ver em Ribeirão Preto para garantir a vaga na fase de mata-mata. Para isso, ele não revela quem será os titulares. O goleiro Rafael, no entanto, deve ser mantido na posição e já fala na estratégia de como enfrentar um time grande.

“Vamos trabalhar em cima de nossas qualidades. É um jogo grande, onde todo mundo quer jogar, mas vamos manter os pés no chão. A responsabilidade é do São Paulo e nós vamos trabalhar para ver se conseguimos a vitória”, disse ele ao site oficial.
FICHA TÉCNICA – BOTAFOGO X SÃO PAULO

Local: Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP)
Data: 07/04/2013 (domingo)
Hora: 18h30
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa

BOTAFOGO: Rafael; Igor, Cris e Preto Costa; Daniel Borges, César Gaúcho, Zé Antônio, Danilo Bueno e Giovani; Francis e Nunes.
Técnico: Marcelo Veiga

SÃO PAULO: Denis; Rodrigo Caio, Rhodolfo, Lúcio e Cortez; Wellington, Fabrício, Maicon e Cañete; Aloísio e Wallyson
Técnico: Ney Franco

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*