São Paulo aguarda retorno de Breno ao Brasil entre março e junho

A defesa do São Paulo poderá ganhar um reforço nos próximos meses. O clube espera pela decisão da justiça alemã sobre a redução da pena do zagueiro Breno. O jogador foi preso em 2012 acusado de incendiar a própria casa, em Munique, recebendo uma condenação de três anos e nove meses de cadeia.

– A expectativa é de que o Breno seja liberado entre março e junho. Estamos aguardando. Depois que isso acontecer, ele deve ganhar um visto de permanência de 30 dias na Alemanha para poder arrumar as coisas e voltar – afirmou o vice-presidente de futebol do São Paulo, João Paulo de Jesus Lopes.

O zagueiro, porém, precisará de um longo período de recuperação física e técnica para voltar a jogar. Ele será integrado ao elenco profissional para iniciar as atividades, mas, na visão da comissão técnica, precisará de cerca de três meses para entrar em forma. O contrato dele com o Tricolor vai até 7 de outubro de 2015.

Em agosto de 2013, depois de ficar preso um ano e um mês, Breno ganhou da justiça alemã o direito cumprir a pena em regime semiaberto. Com isso, vem deixando a prisão de Stadelheim, em Munique, todos os dias para trabalhar nas categorias de base do Bayern de Munique, mas com a obrigação de retornar no período da noite para dormir.

O defensor agora aguarda por um novo julgamento em que poderá ser liberado de cumprir o restante da pena. A seu favor pesa o bom comportamento neste período e a possibilidade de voltar para o Brasil e recuperar a carreira de jogador profissional de futebol. A esposa dele, Renata, está grávida, com o nascimento do filho previsto para agosto.

Revelado nas categorias de base do Tricolor e campeão brasileiro em 2007, Breno foi vendido para o Bayern por mais de R$ 30 milhões. No entanto, por causa de seguidas lesões, nunca conseguiu se firmar na Alemanha, onde também defendeu o Nuremberg por empréstimo.

Neste início de temporada, o São Paulo vem sofrendo com a zaga. Rodrigo Caio e Antônio Carlos alternam boas e más atuações. O grupo ainda conta com Paulo Miranda, Edson Silva e Roger Carvalho. Recentemente, o Tricolor emprestou Rafael Toloi para o Roma até o meio do ano.

 

Fonte: Globo Esporte

2 comentários em “São Paulo aguarda retorno de Breno ao Brasil entre março e junho

  1. Paulo Pontes: e o mistério Roger Carvalho?
    Deveria ser muito promissor para o SP investir tanto tempo em sua recuperação e contratação. Disseram maravilhas dele enquanto estava recuperando. E agora que ele está treinando, o que acontece? O jogador é ruim mesmo, ou está havendo algum “mal entendido” do nosso treinero?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*