Pato gera alvoroço na volta de Maceió e vai direto para casa

Assim como em Maceió, onde atraiu dezenas de fãs no trajeto do São Paulo antes e depois davitória sobre o CSA, Alexandre Pato foi a principal sensação da delegação também no retorno da capital alagoana, na tarde desta quinta-feira.

Ao passar pelo portão de desembarque do Aeroporto de Guarulhos, o atacante imediatamente foi rodeado não apenas por jornalistas, mas também por praticamente todos os torcedores  que aguardavam a chegada daequipe.

Nem Osvaldo, autor do único gol do triunfo, nem o capitão Rogério Ceni foram tão assediados quanto o novo reforço do técnico Muricy Ramalho (primeiro integrante da delegação a desembarcar). Todos queriam ver e ouvir Pato.

Protegido pelos seguranças do clube, o atacante não disse nada muito relevante, mas satisfez seus admiradores, ainda que de forma apressada, em poucos segundos. “Teve gol, mas foi anulado”, falou, quando um jornalista lembrou que, pela primeira vez em estreia, ele não balançou a rede.

Depois de deixar o saguão, ele tomou caminho diferente do restante do elenco. Entrou em um carro de popular de vidros escuros e seguiu para casa, enquanto a maior parte de seus companheiros saíram de ônibus rumo ao CT da Barra Funda.

Impossibilitado de atuar no Campeonato Paulista por ter excedido o limite de jogos permitido para defender outro time, o ex-corintiano não vai a campo no domingo, diante do Ituano, no Morumbi, em compromisso válido pela penúltima rodada da primeira fase da competição.

Sua próxima atuação será somente em 9 de abril, novamente contra o CSA, uma vez que, por não ter vencido o jogo de ida por dois gols de diferença, o São Paulo não eliminou a necessidade do segundo confronto, na abertura da Copa do Brasil. De qualquer forma, Pato e todo o elenco do São Paulo se reapresentam aos trabalhos nesta sexta-feira à tarde.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*