Notas dos jogadores

Rogério Ceni: o M1TO voltou, comandou, marcou um gol e foi o líder de sempre. 10

Paulo Miranda: muita raça, compensando a falta de técnica. 8

Lúcio: gigante. 10

Rafael Tolói: gigante. 10

Carleto: lutou, atacou, defendeu, foi grande. 10

Wellington: monstro. 10

Denilson: gigante. 10

Ganso: a melhor partida com a camisa do São Paulo. 10

Douglas: compensa a falta de técnica com a garra e a luta. 8

Osvaldo: autor do passe dos dois gols. 10

Aloísio: é groso demais, mas luta muito. 10

Ademilson: entrou e marcou o segundo gol. 8

Rodrigo Caio: jogou pouco tempo. Sem nota.

Ney Franco: deu alma ao time e na hora da mudança, acertou. 10

4 comentários em “Notas dos jogadores

  1. Discordo em relação ao Douglas. Eu até concordei com a escalação dele, diante das circunstâncias, mas ele foi mal. Correu muito, mas errou bastante. Deveria ter saído para a entrada do Rodrigo Caio.
    Fiquei impressionado com ele logo que chegou no clube, mas recentemente vem jogando muito mal.
    O cara errou grotescamente uma finalização, não consegue mais acertar um drible e cometeu várias faltas que poderiam ter posto tudo a perder.
    Daria 5 para ele pela dedicação.

  2. Só discordo em relação ao carleto a nota de le na minha opinião é 10 o morumbi encontrou un dono para aquela lateral!

    • Realmente, o Carleto jogou bem e vai mostrando um poder de superação bonito de se ver. Mas acho que ele poderia ter ajudado mais no ataque e ter sido menos afobado na defesa. Logo depois do primeiro gol, por exemplo, ele interceptou uma bola limpa, mas, já no espírito de segurar o resultado, deu um chutão para frente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*