Ney, sobre suspensão de Jadson: ‘Cartão amarelo desnecessário’

O técnico perdeu um dos seus principais jogadores para o jogo diante do Atlético-MG, no dia 17, em casa, pela última rodada do Grupo 3 da Copa Libertadores. O meia Jadson levou o terceiro cartão amarelo e está suspenso para o próximo confronto.

No lance que originou a advertência, Jadson empurrou um gandula boliviano após a bola ter saído de campo. O treinador criticou o erro de camisa 10 da equipe.

– Em relação ao Jadson, cartão amarelo que não precisava ser tomado. A gente perde mais um jogador importante. Vamos montar a equipe – declarou Ney.

O treinador também lamentou a ausência de Luis Fabiano, punido com quatro jogos de suspensão por ofensas ao árbitro Wilmar Roldán, após o jogo contra o Arsenal (ARG), no Pacaembu, pela terceira rodada do Grupo 3 da Libertadores.

– Luis é de referência, o Aloísio o substituiu hoje (quinta-feira). A gente sabe que o Luis Fabiano faz uma diferença, fica difícil a gente ficar mensurando o que poderia ter acontecido. Na prática, o Aloísio jogou, fez o papel dele – disse.

O elenco tricolor retorna a São Paulo na madrugada desta sexta-feira e, no período da tarde, deve se reapresentar no CT da Barra Funda.
Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*