Ney poupa titulares diante do Paulista por força máxima em clássico

Apesar de estar de olho no jogo do dia 4 de abril, diante do The Strongest, em La Paz, o técnico Ney Franco também quer ver sua equipe fazendo bonito diante do Corinthians, no próximo domingo, no Estádio do Morumbi. Por causa disso, o técnico do São Paulo preferiu poupar a maioria de seus titulares para esta quarta-feira, diante do Paulista. Apenas Rogério Ceni e Luis Fabiano, suspenso da Libertadores, irão a Jundiaí.

De acordo com o comandante, além de evitar problemas físicos, os reservas também ganham uma chance extra de ter ritmo de jogo e surgem, assim, como uma solução mais adequada caso haja a necessidade de substituição na Bolívia.

“Ontem (segunda-feira), a gente fez um treino de bola parada com o time que vai entrar jogando. Hoje (terça-feira), fizemos um ajuste, poupando a maioria dos jogadores, agora já muito em função do jogo de quinta-feira (contra o The Strongest). A gente tinha duas escolhas de segurar no de agora ou no de domingo. Vamos segurar na quarta e jogar com os titulares no de domingo. Não está definida a equipe contra o Corinthians, mas é o princípio básico. Na quinta temos o jogo na Libertadores. Temos de dar oportunidade a Paulo Miranda, Cortez, Rhodolfo, que voltam de lesão. Fabrício que precisa de jogos, Wallyson também, para que tenhamos peças para esses jogos também”, analisou ele.

Além disso, Ney também afirmou que não tem a chance de que Osvaldo, que estava com a seleção brasileira, surja como opção de última hora. Apesar de convocado, o atacante não chegou a entrar em campo e já está na rota para retornar ao Brasil. Se chegar a tempo, ele participa apenas do trabalho tático que os atletas não relacionados farão no CT da Barra Funda.

“Amanhã (quarta-feira), ele não joga. O grupo que não está relacionado para o jogo faz um trabalho tático amanhã. Dependendo, o Osvaldo faz esse trabalho conosco”, completou.

A tendência é que o time, que é líder isolado do campeonato, entre em campo com a seguinte escalação, no esquema 4-2-3-1: Rogério Ceni, Paulo Miranda, Lúcio, Rhodolfo e Cortez; Fabrício e Wellington; Douglas, Cañete e Wallyson; Luis Fabiano. Esta formação treinou no CT da Barra Funda na equipe “sem colete”, de acordo com a assessoria de imprensa.

 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*