Muricy culpa falta de tempo por saída de Roger: ‘A lesão foi muito séria’

muricy

O técnico Muricy Ramalho acredita que a necessidade de um longo período de recuperação foi determinante para a saída do zagueiro Roger Carvalho. O jogador, contratado pelo São Paulo em setembro do ano passado, não terá o contrato renovado. O vínculo acaba em 15 de abril.

– A lesão foi muito séria. Ele perdeu tempo, e em time grande não tem tempo. Tem de jogar bem na primeira. O certo era ter mais tempo para jogar, mas o torneio vinha em andamento e ele estava sem ritmo. Temos o Lucão (Lucas Silva), que queremos firmar. O Roger é um bom jogador – afirmou.

Antigo sonho da diretoria são-paulina, o zagueiro operou a coxa direita no ano passado e chegou ao Tricolor para fazer tratamento. Ele assinou um contrato de risco e só permaneceria até o fim de 2014 se evoluísse. Apesar de liberado pelos médicos, o jogador não conseguiu atuar em alto nível. Foram apenas duas partidas no Paulistão, ambas sem destaque.

Muricy falou rapidamente sobre a decisão de afastar o lateral-esquerdo Clemente Rodríguez e o volante Fabrício. Os jogadores não vinham sendo aproveitados pelo treinador nesta temporada, mas ainda treinavam no CT da Barra Funda. Agora, porém, terão de cumprir a carga horária em Cotia, local destinado às categorias de base do São Paulo.

Há duas semanas, Fabrício se desentendeu com Maicon durante um treinamento. Nenhum deles foi punido pela direção, mas Muricy disse que, no momento certo, conversaria com os atletas. O clube tenta agora negociá-los.

– Foi uma decisão da diretoria e da comissão. Nada a ver com o time – resumiu o comandante.

 

Fonte: Globo Esporte

Um comentário em “Muricy culpa falta de tempo por saída de Roger: ‘A lesão foi muito séria’

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*