Lúcio diz não temer pressão do Arsenal e confia em vitória do Tricolor

O São Paulo faz nesta quinta-feira uma partida decisiva pelo grupo 3 da Taça Libertadores. A equipe enfrenta o Arsenal de Sarandí às 21h30m, no Estádio Julio Humberto Grondona, na Argentina, precisando da vitória após o empate por 1 a 1 diante do mesmo adversário na semana passada. Desta vez, o duelo será na casa do rival, mas o zagueiro Lúcio diz que a pressão não será um problema para o Tricolor.

– Temos pressão em todos os jogos. Precisamos vencer todas as partidas e estamos acostumados com isso. Vamos procurar fazer nosso trabalho e vencer fora de casa, que é importante – disse o zagueiro.

Lúcio tem experiência internacional. É campeão do mundo com a Seleção Brasileira e tem títulos como o da Liga dos Campeões e do Mundial de Clubes da Fifa pelo Inter de Milão, além de já ter conquistado o Italiano e o Alemão. Mesmo assim, o zagueiro é um “novato” quando o assunto é Taça Libertadores. A edição de 2013 é a primeira do jogador, que iniciou carreira no Internacional.

Nesta quinta, Lúcio fará apenas sua segunda partida com a pressão de atuar em outro país pela Libertadores. Ainda pela fase prévia, o Tricolor encarou o Bolivar fora de casa e acabou derrotado, mas já havia vencido o primeiro jogo por 5 a 0. Mesmo assim, ele aposta que pode ajudar os companheiros menos experientes.

– A equipe está em busca do resultado. Espero dar a minha contribuição para o time. Temos que ir com o pensamento de vencer e somar os três pontos que serão importantes para a classificação.

O São Paulo aparece na segunda colocação do Grupo 3, com quatro pontos, seguido de perto pelo The Strongest, com três. O Arsenal é o lanterna. A liderança é do Atlético-MG, com 100% de aproveitamento nos três jogos disputados. O Tricolor precisa de um resultado positivo para manter-se com boas chances de se classificar às oitavas de final.

– Ainda não fazemos conta para saber quantos pontos precisamos para a classificação. A nossa conta é fazer uma boa partida e somar os três pontos – concluiu Lúcio.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*