Líder do Paulista, Tricolor conta com parceria no meio diante do Bragantino

O São Paulo busca ajustar o padrão de jogo para encarar o The Strongest (BOL), na altitude de La Paz, no jogo com caráter decisivo ao Tricolor, pela Copa Libertadores, dia 4. Até lá, tem mais três jogos no Paulistão Chevrolet, a começar pelo Bragantino, neste sábado, às 18h30, no estádio do Morumbi, pela 14ª rodada do Estadual.

Líder da competição com um jogo a menos, o Tricolor, que tem 29 pontos, utilizará a mesma formação diante do time de Bragança Paulista, com Jadson e Ganso no meio-campo. Já o adversário, com 18 pontos, busca entrar no G8 do Estadual.

SÃO PAULO

O São Paulo passou por um período conturbado por conta das más atuações do time, principalmente na Copa Libertadores. Nos últimos dois jogos, venceu Oeste e São Bernardo e amenizou a instabilidade. Contudo, nesta sexta-feira, o clube foi pego de “surpresa” com a decisão da Conmebol de que o atacante Luis Fabiano foi punido com quatro jogos de suspensão – um já foi cumprido – por reclamar com o árbitro Wilmár Roldan após o empate diante do Arsenal (ARG), pela terceira rodada do Grupo 3 do torneio continental. Na ocasião, foi expulso depois do jogo. Mas, no Paulista, está apto a jogador.

No meio-campo, o técnico Ney Franco manteve o meia Paulo Henrique Ganso entre os titulares. No setor defensivo, mesmo com o empenho nos treinos, Lúcio permanece como opção para o decorrer da partida.

– Sim, me senti superbem, tive uma das melhores atuações pelo São Paulo. Melhorar sempre para ajudar a equipe do São Paulo e também na minha carreira – declarou o Maestro, acerca da dupla com Jadson, durante entrevista coletiva, no CT da Barra Funda.

Ney Franco promoveu uma atividade técnica no CT da Barra Funda e não divulgou o time que enfrenta o Bragantino. Lúcio deve permanecer entre os reservas. Wellington, que retorna de suspensão, briga com Denilson e Maicon por uma das duas vagas no meio de campo. Wallyson, titular nas últimas duas partidas, pode perder a vaga para Aloísio.

Contudo, o treinador não poderá contar com os zagueiros Rhodolfo e Paulo Miranda, além do lateral-esquerdo Cortez. Os jogadores se recuperam de problemas físicos. O atacante Osvaldo, que está a serviço da Seleção Brasileira, também segue fora.

BRAGANTINO

O técnico Mazzola Júnior terá três desfalques para o confronto diante do São Paulo, no Morumbi.

O zagueiro Kadú sofreu uma lesão na coxa direita e o volante Neto ainda se recupera de uma pancada no tornozelo direito. Ambos continuam entregues ao departamento médico. Já o zagueiro e capitão André Astorga recebeu o terceiro cartão amarelo no empate contra o Oeste e também fica fora do jogo.

No último treino, o zagueiro Toninho atuou na zaga ao lado do zagueiro Raphael Andrade e do volante Geandro.

No meio campo, o técnico do Bragantino não fez modificações, e manteve a base que atuou diante do Oeste, na última rodada, com Diego Macedo na ala direita e no meio campo, Moisés, Graxa e Serginho. No ataque, manteve Magno Cruz ao lado de Léo Jaime e Lincom. O meia-atacante Malaquias cumpriu suspensão automática e está à disposição do elenco.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO X BRAGANTINO

Local: estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data/horário: 23/3/2013, às 18h30
Árbitro: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral
Assistentes: Vicente Romano Neto e Giulliano Neri Colisse

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Rodrigo Caio, Rafael Toloi, Edson Silva e Carleto; Denilson (Wellington), Maicon, Jadson e Paulo Henrique Ganso; Wallyson (Aloísio) e Luis Fabiano. Técnico: Ney Franco.

BRAGANTINO: Rafael Defendi, Diego Macedo, Toninho, Raphael Andrade e Geandro; Moisés, Graxa e Serginho, Magno Cruz; Lincom e Léo Jaime. Técnico: Mazzola Júnior.
Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*