Jucilei exalta entrega dos jogadores do São Paulo

Um dos destaques do São Paulo de Diego Aguirre, Jucilei participou do Seleção SporTV desta segunda-feira e falou sobre o bom momento do time.

Terceiro colocado no Brasileirão, o Tricolor acabou, no último sábado, com um jejum de 36 anos que “incomodava bastante” ao vencer o Atlético-PR em Curitiba. O volante destacou o espírito que a equipe vem demonstrando no campeonato.

– É bem nítida a nossa entrega. Você jogando um Campeonato Brasileiro, se não tiver entrega, determinação, concentração, você perde. O espírito mudou muito, está todo mundo querendo. O Aguirre deu essa cara pro time.

Jucilei é um dos líderes do elenco tricolor. Neste Campeonato Brasileiro, ele ficou fora de apenas uma partida, o empate sem gols com o Internacional. Nos demais, foi titular em todos.

A última partida do São Paulo antes da pausa no Brasileirão para a Copa do Mundo será nesta terça-feira, contra o Vitória, às 21h30, no Morumbi, pela 12ª rodada.

– A gente sabe a dificuldade que vai ser, mas jogando dentro de casa, a obrigação é toda nossa. E temos a consciência disso – finalizou Jucilei.

4 comentários em “Jucilei exalta entrega dos jogadores do São Paulo

  1. Muito bom jogador nunca compromete sempre cumpre muito bem sei papel, muita responsabilidade é compromisso com o time.
    Tem tudo para marcar o nome na história do são Paulo ganhando um título.

  2. Concordo que o Jucilei está jogando muito. Ele precisava é treinar mais chutes de longa distância pra aumentar sua eficácia no ataque. Vai lá Jussa!!!

  3. Gosto do Jucilei, forte na marcação, dedicado e deve cumprir à risca tudo o que o treinador pede.
    Entretanto quando se lança ao ataque ou tenta um chute ao gol adversário, é uma tristeza.
    Acho que é mais fácil ele jogar como zagueiro do que se lançar ao ataque.

  4. É o jogador mais importante do time quando o adversário está com a bola, e na contrapartida, o menos importante quando a bola está com o Tricolor. Marca muito, mas arma com muita dificuldade e arremata mal. Não obstante, ele é fundamental ao esquema “uruguaio” do Aguirre, pela dedicação e garra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*