Jogadores do São Paulo valorizam mistério antes de jogo decisivo

Apenas funcionários do São Paulo assistiram ao último treinamento comandado por Ney Franco, na manhã desta terça-feira, antes da viagem para a Argentina. O treinador tem adotado toda a cautela possível para a partida contra o Arsenal de Sarandí, fora de casa – e a atitude é aprovada por seus comandados.

“O mistério faz parte do pensamento da comissão técnica. Com treinamentos fechados, a gente pode arrumar as coisas, esconder um pouco o jogo da equipe deles e surpreender”, valorizou o meia Jadson.

Para colaborar com o suspense de Ney Franco, o São Paulo não contará com o atacante Luis Fabiano e o volante Wellington diante do Arsenal, ambos suspensos. Os substitutos só serão anunciados minutos antes da partida. Por outro lado, o meio-campista Denilson já não sente mais dores no joelho direito e deverá reforçar a equipe.

Fernando Dantas/Gazeta Press

Jadson seguiu a orientação de Ney Franco e não deu pistas sobre a escalação do São Paulo

Doutrinado a manter o mistério de Ney, Jadson abriu um sorriso para evitar dar pistas sobre a formação escolhida pelo treinador. “Não posso falar muito sobre a nossa escalação. Depois, o Ney fica bravo comigo, e eu me complico”, justificou, incomodado apenas com os desfalques.

 

“Sempre é difícil perder jogadores por suspensão. O Wellington e o Luis Fabiano são importantes para nós. Vamos tentar superar isso. Tenho certeza de que quem entrar no time dará o seu melhor para aproveitar a oportunidade de mostrar serviço”, declarou Jadson.

Na defesa, onde as dúvidas são menores, o zagueiro Rafael Toloi também reforçou o segredo são-paulino. “Sabemos que teremos um jogo importantíssimo pela frente, até porque precisamos muito da vitória, então tudo é válido”, apoiou.

O São Paulo tem necessidade da vitória para não correr riscos de eliminação precoce no grupo 3 da Copa Libertadores da América. O time do misterioso Ney Franco está na segunda colocação com 4 pontos, enquanto o líder Atlético-MG tem 9, o boliviano The Strongest soma 3 e o lanterna Arsenal totaliza só 1.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*