Ganso não vê ano perdido do Tricolor em caso de queda na Libertadores

A situação do São Paulo na Taça Libertadores da América é delicada. Derrotado por 2 a 1 pelo The Strongest, na Bolívia, na última quinta-feira, o Tricolor depende de uma vitória sobre o Atlético-MG, líder invicto da chave, e de um tropeço do time boliviano para avançar às oitavas de final. Seguro de que a equipe estará no mata-mata da competição continental, o meiaPaulo Henrique Ganso não vê a temporada perdida caso o time não alcance seu objetivo.

Poupado pela torcida em protesto no CT da Barra Funda, no último sábado, o jogador não elegeu como principal dificuldade a pressão dos tricolores ou o fato de depender de outro resultado, mas sim a qualidade do Atlético-MG. Sem Jadson, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, e Luis Fabiano, fora devido a punição da Conmebol, o São Paulo terá de superar um time que conquistou cinco vitórias em cinco jogos disputados no torneio.

– Não acredito que vamos perder o ano. Não podemos ser tão precoces assim, já que temos muitos campeonatos para disputar no restante da temporada – afirmou o meia, em evento realizado na manhã desta segunda-feira, em São Paulo.

– O São Paulo pode não estar bem na Libertadores hoje, mas no Campeonato Paulista está muito forte. O torcedor está cobrando porque o clube tem uma grande tradição na Libertadores. A dificuldade vai ser grande contra o Atlético, mas temos condições de ganhar. Tenho certeza de que vamos conquistar a classificação.

Além de Ganso, Jadson também foi poupado do protesto dos são-paulinos. O goleiro Rogério Ceni e o atacante Osvaldo foram ovacionados pelos torcedores. Principal peça do meio-campo da equipe na ausência de Jadson, Ganso disse que sabe lidar com a pressão, mas que a classificação do Tricolor depende não de uma boa atuação individual, mas sim coletiva.

– A responsabilidade de ser um dos grandes jogadores da equipe eu sempre assumi. Não jogo sozinho. Todo mundo tem de se ajudar para vencermos esse jogo do ano – completou.

Líder isolado do Campeonato Paulista e garantido nas quartas de final do estadual, o São Paulo ainda enfrenta União Barbarense (quarta) e XV de Piracicaba (sábado) antes de voltar suas atenções exclusivamente para o confronto com o Atlético-MG, marcado para o dia 17, às 22h (horário de Brasília), no estádio do Morumbi.

 

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*