Ganso espia coletiva de Muricy, ouve cobrança e brinca: “Obrigado”

ganso035

Questionado nesta sexta-feira sobre a nova queda de produção de Paulo Henrique Ganso, Muricy Ramalho não suspeitava que o meia estivesse na sala ao lado, ouvindo sua entrevista coletiva. Otreinador reforçou cobranças e ainda falava ao microfone quando foi surpreendido com o jogador abrindo a porta da assessoria de imprensa.

“Obrigado, viu?”, brincou o agora camisa 10, rindo. “Você tem que fazer gol”, ouviu de volta, no mesmo tom divertido.

Antes de a porta ser aberta, Muricy falava mais uma vez sobre a falta de uma longa sequência do atleta. “Eu já conversei com ele sobre essa gangorra. Ele tem que focar um pouco mais. A grande alegria dele não é fazer gol, é dar passe. Mas, do jeito que se joga hoje, é muito importante a aproximação para fazer gols, senão o centroavante fica muito isolado”, falou o treinador.

“A gente insiste com ele desde a época do Santos. Nesta semana, a gente fez um trabalho especial com ele, e ele chegou muito na área. É isso que falta a ele. Falta querer mais, participar mais dos 90 minutos, mais dentro da área. O resto é da técnica dele. Isso, ele não esquece”, acrescentou.

Com a transferência do meia Jadson para o Corinthians, em troca envolvendo a chegada do atacante Alexandre Pato ao São Paulo, Ganso é o único armador de ofício confiável no elenco. Gabriel Boschilia, jovem de 17 anos formado nas divisões de base, agrada bastante a Muricy, porém tem feito trabalho específico para ganhar corpo antes de ser lançado em definitivo.

Titular em todas as sete partidas do time até aqui na temporada, Ganso começará jogando mais uma vez neste sábado, diante da Portuguesa. O confronto no Morumbi, que pode pôr em jogo a liderança são-paulina no Grupo A do Campeonato Paulista, está marcado para 21 horas (de Brasília).

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*