Fabuloso inicia 2014 com necessidade de jogar e não desfalcar o São Paulo

Luis Fabiano iniciou as últimas duas temporadas como a grande esperança de gols do São Paulo. Mas 2014 começou diferente. O ataque é o setor mais carente do elenco e a presença de Fabuloso em campo virou necessidade.

Por enquanto, ele não tem reserva para substituí-lo. O camisa 9 precisará se recuperar da má fase vivida especialmente no segundo semestre do ano passado e corresponder com gols. Aloísio e Welliton, alternativas em 2013 quando Luis Fabiano não jogava, deixaram o clube. A diretoria tenta trazer Rafael Sobis, do Fluminense, mas a negociação é complicada e o atacante seria mais um parceiro do que um substituto para o artilheiro.

Na atividade da manhã de quinta-feira, o Fabuloso mostrou que está com vontade. Com disposição, ele foi o atleta que mais recebeu elogios do treinador Muricy Ramalho durante a atividade técnica.

Avaliações detalhadas de cada jogador ainda não foram feitas, mas o camisa 9 agradou à comissão técnica neste início de ano.

– Ele está bem mais motivado este ano. Nós já percebemos isso pelas conversas e pelo ambiente. Acredito que, fazendo tudo dentro do planejado, ele vai ficar muito bem – declarou Sérgio Rocha, preparador físico do São Paulo.

Para não deixar Muricy Ramalho sem opção, Luis Fabiano terá de fugir de lesões e suspensões, que foram rotina ao longo da carreira do atacante. Além dele, os outros jogadores do setor são Ademilson, Osvaldo e Silvinho. A carência é tamanha que o ataque tem a mesma quantidade de peças que a lateral direita.

Ser reserva de Luis Fabiano é bem diferente do que ser reserva de Rogério Ceni. Enquanto o Mito não dá brechas, os atacantes suplentes tiveram presenças constantes nos últimos dois anos. Aloísio foi quem mais jogou em 2013 e Willian José foi artilheiro do time na campanha do título da Copa Sul-Americana de 2012.

Desempenho das ‘sombras’ de Fabuloso

Willian José
Em 2012, o jogador fez 44 partidas e anotou 15 gols. Ele fez o mesmo número de jogos de Luis Fabiano. O Fabuloso marcou 31 gols. Willian José foi o artilheiro do time no Paulista, com 11 tentos, e também o da equipe na Copa Sul-Americana, em que foi às redes três vezes. No Brasileiro, Fabuloso fez 17 gols e foi vice-goleador geral do torneio.

Aloísio
Em 2013, o atleta foi o recordista de jogos do Tricolor, participando de 71 das 83 partidas do clube. Fabuloso fez 20 a menos. Na artilharia do ano, os dois terminaram empatados, ambos com 22 tentos cada. O Boi Bandido leva vantagem no aproveitamento. Ele teve 49,30% dos pontos disputados. Já Fabuloso aparece com 48,37 %.

Metas para 2014

Artilharia histórica
Luis Fabiano pode subir no ranking dos maiores artilheiros da história tricolor. Ele é o quinto, com 178 gols.

Copa do Mundo
Caso tenha grande rendimento, pode ainda sonhar com vaga no Mundial.

Apagar mau desempenho
Por conta de lesão e indisciplina, Luis Fabiano desfalcou bastante o time.

Fonte: Lance

Um comentário em “Fabuloso inicia 2014 com necessidade de jogar e não desfalcar o São Paulo

  1. La vem a mesma ladainha de sempre desse pipokkkero sem limites.
    Joga a deis por hora, pra nao dar desinteria.
    E craque, matador, todo mundo sabe que e ,
    masss, nunca quer jogar,
    parece o dono da griffe, talvez dos que se acham mais do que os outros,
    acima do bem e do mal.
    Cansei, esse nao da mais, talvez um dos poucos do SAOPAULO
    que me decepcionei tanto.
    Se colocarmos qualquer atacante do sub 17 vai render mais.
    E ainda dizem que Sobis deve abaixar salarios pra vir pro time.
    Tao de brincadeira.
    Esses cara cheiram ou fumam demais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*