Fabrício diz que pediu desculpas a Ney por reclamação

Fabrício admitiu que extrapolou ao reclamar de Ney Franco por ser substituído na partida entre São Paulo e Botafogo no último domingo. O volante contou nesta quarta-feira, após a vitória por 2 a 1 diante do União Barbarense, que quis ir rapidamente conversar com o treinador para pedir desculpas.

Na terça, em coletiva de imprensa, o treinador já havia minimizado o episódio e disse, também, que Fabrício pediu uma conversa já nos vestiários. Agora, foi a vez do jogador explicar o caso.

“O importante dessas coisas é que tudo seja resolvido rápido. Eu conversei com ele depois do jogo e tudo foi resolvido. A questão de jogar é complicada. Eu tenho que jogar, pegar ritmo e a confiança vem com o tempo. Eu tenho de ter paciência”, disse ele à Rádio Globo.

“Não sei se jogo contra o Atlético-MG, está muito complicado. Eu sei que a preferência está com os outros volantes. Eu tenho que fazer meu trabalho, correr por fora e eu ainda estou me acostumando a voltar a jogar. Erro muitos passes, estou mal acostumado ainda com a pressão de jogo, até por isso erro muitos passes e, com o tempo, a gente vai melhorar disso”, completou.

Também na coletiva de imprensa, Ney Franco já tinha dito que Wellington, Denílson e até Rodrigo Caio estavam à frente de Fabrício na concorrência.

Sobre o jogo da próxima quarta-feira,  Fabrício afirmou que o São Paulo ainda precisa melhorar bastante para poder bater de frente com o Atlético-MG. Na opinião dele, os mineiros formam o time que apresenta o melhor futebol do país.

“A gente está pronto, mas claro que temos de melhorar sempre. Nosso time sabe disso e sabe que vai encontrar a melhor do Brasil. Temos de melhorar. O resultado de não conseguir se classificar ainda foi feito por nós. A gente que se colocou nessa situação então temos que trabalhar para mudar, fazer nosso papel e torcer pelos resultados”, afirmou.

 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*