Espanyol ‘contradiz’ treinador e contrata Jonathan Calleri

Parece que a diretoria do Espanyol não tem a mesma opinião expressada na última semana pelo técnico David Gallego em relação a satisfação com as peças ofensivas do elenco.

Se na última semana o nome do argentino Jonathan Calleri já tinha praticamente sido descartado pelo tom das palavras do comandante do time catalão, na última segunda-feira (26) o nome do ex-Boca Juniors e São Paulo foi anunciado em caráter oficial pelo clube.

Assim como tem acontecido em todas as transações do jogador desde que o jogador foi adquirido pelo Boca junto ao All Boys em 2014, o atleta chega por empréstimo do modesto clube uruguaio Deportivo Maldonado (dono de seus direitos) ao Espanyol com validade até junho de 2020.

O time que milita na segunda divisão do futebol uruguaio sempre foi encarado como uma espécie de “barriga de aluguel” no ponto de vista prático já que, em nenhum momento, Calleri foi aproveitado pelo clube.

Além do fato de que, também no aspecto prático, os proprietários do Maldonado são empresários que se valem desse recurso como o fizeram no caso, por exemplo, do também atacante Willian José. Hoje, os direitos do atleta brasileiro pertencem ao também espanhol Real Sociedad.

 

Fonte: Lance

3 comentários em “Espanyol ‘contradiz’ treinador e contrata Jonathan Calleri

  1. Ele precisa de um clube que compre seu passe dos investidores. O problema é que a cada empréstimo ele perde um ano de carreira, não evolui, não ganha títulos, não faz história.

    Fez uma aposta, está na vitrine do futebol espanhol. Mas não se destacou até agora. Ou seja, é um bom jogador, mas não é um craque como aparentou na sua passagem no SP.

    Espero que a torcida pare de fazer essa pressão pra ele voltar. Não faria o menos sentido pagar um fortuna por ele.

  2. Ainda estar vinculado ao Deportivo Maldonado?

    Tenho a impressão que o Calleri vai lamentar essa decisão em sua carreira.

    Tanto tempo rodando por clubes, sem vínculo com torcida, sem amigos no elenco,
    sem endereço fixo. Tudo que ele faz é atender aos interesses de seu “empresário” e desse falso clube.

  3. Esse time uruguaio é usado pelo empresário Juan Figger para abrigar os jogadores de sua “propriedade”. Ele tinha boas relações com o JJ, mas parece que não conta mais com a anuência da atual diretoria.

Deixe uma resposta para Humberto Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.