Com Denilson, São Paulo se atrasa e faz embarque apressado

A delegação são-paulina fez um embarque apressado na manhã desta quarta-feira, rumo à Argentina, onde enfrentará o Arsenal. Prejudicado pelo trânsito, o ônibus do clube estacionou em frente ao Aeroporto de Guarulhos apenas 40 minutos antes do voo (marcado para 8h35), e todos atravessaram rapidamente o saguão.

Denilson foi um dos poucos atletas a parar para falar ou atender fãs e curiosos. O volante nãojogou as duas últimas partidas da temporada em função de dores no joelho direito, mas se recuperou e foi a grande novidade do elenco na viagem a Buenos Aires.

“Meu joelho está 100%. Agora é procurar a vitória de qualquer maneira. Estou indo para lá com esse foco”, disse o jogador.

Vestido com o uniforme da principal torcida organizada são-paulina, um torcedor solitário deu apoio ao grupo e conseguiu, depois de alguma insistência, uma fotografia com o goleiro e capitão Rogério Ceni, já no portão de embarque.

A equipe, que ainda nesta quarta-feira faz um trabalho de reconhecimento do Estádio Julio Grondona, ocupa a vice-liderança do grupo 3 da Libertadores, com quatro pontos ganhos, um a mais do que o terceiro colocado, The Strongest.

No duelo com Arsenal, marcado para 21h30 desta quinta-feira, vencer é de suma importância para o técnico Ney Franco e seus comandados, que não terão a companhia do volante Wellington e do atacante Luis Fabiano, suspensos respectivamente por cartões amarelo e vermelho.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*