Com 15,9 % de chances, São Paulo precisa de fato inédito no ano por vaga

O São Paulo precisa quebrar uma série de barreiras para não repetir o vexame de 1987, último ano em que foi eliminado na primeira fase da Libertadores. Segundo o site Chance de Gol, a equipe de Ney Franco tem apenas 15,9% de chances de avançar para o mata-mata da competição sul-americana.

Isso se explica porque a equipe de Morumbi vai precisar fazer algo que ainda não fez no ano:  vencer um jogo de expressão. O time enfrentou o Palmeiras, Corinthians, Atlético-MG e Santos na temporada e conseguiu apenas um ponto no 0 a 0 com o rival do Palestra Itália.

Outros dois duelos considerados de dificuldade aconteceram na altitude, com duas derrotas, diante do The Strongest e do Bolívar. Em São Paulo, o time ainda chegou a vencer por 2 a 1 o The Strongest, mas saiu do estádio ouvindo de seu próprio dirigente que a apresentação foi vergonhosa.

Mais do que ganhar um jogo de grande expressão, os são-paulinos precisaram quebrar uma invencibilidade de mais de dois meses do Atlético-MG. A última vez em que os mineiros saíram derrotado aconteceu no dia 03 de fevereiro para o Cruzeiro, no Campeonato Mineiro, na primeira partida da temporada. Na Libertadores, os comandados de Cuca são os únicos invictos, com 15 pontos em cinco jogos disputados.

“Em termos da vitória do Atlético-MG, não concordo com a sua opinião (sobre quebrar invencibilidade mineira). Temos todas as chances de vencer. O detalhe é que o resultado fica dependendo do outro jogo que não temos o controle. Matematicamente temos chances e o nosso dever é conseguir a vitória”, analisou Ney.

Derrotado na noite desta quinta-feira pelo The Strongest, por 2 a 1, o time brasileiro precisará derrotar o Atlético-MG por dois gols ou mais de diferença na última rodada e torcer por um empate entre Arsenal de Sarandí e o próprio The Strongest. Caso vença por um gol de diferença, a torcida é pela vitória do time argentino. As duas partidas estão marcadas para as 22h da quarta-feira, dia 17 de abril.

Há, ainda, a possibilidade da vaga ser decidida no sorteio. Isso acontecerá caso o São Paulo vença os mineiros por 2 a 1 e o The Strongest fique no empate por 1 a 1 com o Arsenal de Sarandí.

“Não trabalho com a chance de ser eliminado. Eu trabalho com a chance de me classificar. Não acho nada absurdo a gente vencer o Atlético-MG e ter os resultados combinados para nós”, disse Rogério Ceni.

Fonte: Uol

Um comentário em “Com 15,9 % de chances, São Paulo precisa de fato inédito no ano por vaga

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*