Cañete ganha elogios e chance de ficar: ‘Vai ser cobrado’, diz Muricy

Cañete terá em 2014 a chance que sempre esperou no São Paulo. Depois de seguidas lesões e de não convencer nas poucas vezes que jogou, o meio-campista argentino recebeu elogios do técnico Muricy Ramalho pelo empenho na pré-temporada e será aproveitado no Campeonato Paulista. Com a falta de reforços, atuará como atacante.

Antes da notícia de que ficaria no Morumbi, Cañete passou pelo crivo do treinador. Muricy chamou o jogador para uma conversa sincera. Disse que não vai tolerar indisciplina ou indolência e prometeu cobrá-lo para, enfim, corresponder aos mais de R$ 7 milhões investidos para comprá-lo do Boca Juniors em 2011.

– Tive uma conversa clara com o Cañete. Ele tem de saber quem sou e que vai ser cobrado. Ele tem de dar retorno e está mostrando nos treinamentos. É um jogador que sabe jogar, muito técnico e inteligente. Mas depende dele. Está se portando muito bem e me agradando. Vai fazer parte do time – disse Muricy.

Muricy observa Cañete desde o estadual do ano passado, quando dirigia o Santos. Durante a primeira fase, o Tricolor foi derrotado pelo Peixe por 3 a 1, na Vila Belmiro, mas o argentino teve bom desempenho ao entrar no segundo tempo, atuando aberto pelo lado direito. Depois disso, caiu em desgraça e acabou emprestado para a Portuguesa, onde não rendeu.

– Quisemos dar uma oportunidade. Quando eu estava no Santos, ganhamos do São Paulo por 3 a 1, na Vila. Ele entrou e deu um trabalho danado. Essa imagem ficou na minha cabeça. Tenho boas informações dele – disse.

Com a dificuldade do São Paulo de encontrar reforços, principalmente para o setor ofensivo, Cañete vem sendo escalado como atacante na equipe reserva. As chances no meio de campo dificilmente aparecerão, já que Ganso é o titular e Jadson, o reserva imediato.

 

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*