Após seis torneios oficiais, São Paulo fecha temporada melancólia sem título

O ano do São Paulo e de seus torcedores foi bastante turbulento. Em meio ao pior período da sua história, o Tricolor disputou seis competições oficiais nesta temporada e não conseguiu faturar nenhum título. Nas duas outras competições, ficou em último na Copa Audi ao perder os dois jogos e, na Copa Eusébio, venceu o Benfica (POR) por 2 a 0 e foi campeão.

O mês de janeiro do clube do Morumbi já foi decisivo. Após a conquista da Copa Sul-Americana de 2012, a equipe teve de disputar a primeira fase do campeonato e teve de superar o Bolívar (BOL) para chegar aos grupos. Na competição internacional, teve dificuldades, mas se classificou na última rodada. Nas oitavas, foi eliminado pelo Atlético-MG perdendo os dois confrontos (2×1 e 4×1).

No Campeonato Paulista, o Tricolor foi bem nos pontos corridos. Classificou-se na primeira colocação e mandou os jogos seguintes no Morumbi. Contudo, foi eliminado para o Corinthians, na semifinal, nas disputas por pênaltis. O mesmo Alvinegro apareceu novamente na Recopa, ao ganhar os dois duelos (2×1 e 2×0) e faturar o torneio. 

Na Copa Sul-Americana, o São Paulo foi eliminado na fase de semifinal para a Ponte Preta. Na ida, derrota por 3 a 1 e, no segundo duelo, empate por 1 a 1. Por fim, resta ainda o Campeonato Brasileiro. Mesmo sem aspirações, o técnico Muricy Ramalho confirma que utilizará o time titular. Vale ressaltar que, no Nacional, o time teve dificuldades e flertou com o rebaixamento até a chegada do treinador, que ascendeu a equipe.

Já na excursão à Europa, o Tricolor voltou com a única conquista do time profissional no ano. Após perder para o Bayern de Munique (ALE) por 2 a 0, e para o Milan (ITA) pelo placar de 1 a 0, o clube do Morumbi terminou a competição em quarto lugar. Diante do Benfica (POR), na Copa Eusébio, veio o título solitário da temporada. Os gols foram marcados por Aloísio e Rafael Toloi.

Agora, a diretoria tricolor já trabalha de olho em 2014 para não amargurar uma temporada tão melancólia quanto a deste ano.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*