Após ‘conselho’, João Schmidt mira nova oportunidade

Logo após o apito final no duelo contra o Fluminense (2 a 1), no último final de semana, o técnico Muricy Ramalho enalteceu a postura de seus comandados, que mesmo sem ritmo de jogo venderam caro a derrota para os cariocas. E o volante João Schmidt, um dos atletas que não estavam atuando constantemente e ganharam uma oportunidade no Maracanã, foi elogiado pelo treinador, mas levou um pequeno ‘puxão de orelha’. Apesar da bela assistência para o gol de Welliton, com um passe de calcanhar, o comandante afirmou que era importante o jogador se apresentar mais no campo ofensivo.

“Gostei, gostei de alguns jogadores. Acontece que no futebol é assim, quem dá resultado é quem permanece. Você tem de ter uma maneira de trabalhar e quem dá resultado fica. Claro que teve jogadores que a gente gostou. O próprio João Schmidt foi bem, tem muito defeito, que a gente tem de melhorar na nossa base. É um volante à moda antiga, que toca e corre para trás, ele disse que é um vício dele, então temos que corrigir”, havia alertado Muricy, que viu o seu comandado evoluir durante a semana.

No jogo-treino contra o Sub-17, no Centro de Treinamento da Barra Funda, o meio-campista seguiu os conselhos do técnico e se aventurou mais vezes no setor ofensivo. Buscando a tabela na grande área adversária, o camisa 28 recebeu elogios e incentivo do treinador. “Isso aí, João. Tem que chegar mais vezes mesmo”, orientava Muricy, do banco de reservas, durante a partida.

E mirando mais uma oportunidade no time, talvez já neste final de semana contra o Botafogo, no Morumbi, o volante revela que seguirá os ensinamentos do comandante. “Eu sempre procurei armar o jogo mais de trás, mas ele disse que no futebol moderno os volantes têm que apoiar mais e chegar na frente. Procurei fazer isso e dar o meu melhor, porque preciso ajudar lá na frente também”, disse João Schmidt, que completou.

“É sempre bom poder jogar e, se eu tiver mais uma oportunidade, como contra o Fluminense, vou tentar errar menos e dar o meu melhor. Acredito que tive um bom rendimento naquele jogo, mas não conseguimos a vitória que era a nossa principal meta”, finalizou o meio-campista são-paulino, de apenas 20 anos, que poderá ser utilizado mais uma vez, já que o Tricolor concilia a disputa do Campeonato Brasileiro com a Copa Sul-Americana.

 

Fonte: Site Oficial – Foto: Site Oficial

Um comentário em “Após ‘conselho’, João Schmidt mira nova oportunidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*