Antônio Carlos torce por ‘conversa boa’ entre Rogério Ceni e Juvenal

O fim da temporada se aproxima, assim como se aproxima também o dia em que o goleiro e capitão são-paulino Rogério Ceni irá se pronunciar a respeito de seu futuro. Sem saber o que se passa na cabeça do camisa 01 em relação à aposentadoria ou não, o zagueiro Antônio Carlos torce para que o ídolo tricolor deixe a sala de Juvenal Juvêncio com um contrato de renovação.

– A gente faz força para que ele fique, porque é uma referência no nosso grupo. Mas a palavra final é só dele, às vezes ele sabe que está em um momento que não dá mais, que tem que parar, ou que pode jogar. Espero que ele e o Juvenal consigam ter uma conversa boa. Que ele continue com a gente, um pouquinho dá para ele jogar mais – disse o defensor, em entrevista coletiva nesta terça-feira.

O presidente do clube do Morumbi afirmou, no evento de lançamento da candidatura de Carlos Miguel Aidar nesta segunda-feira, que está otimista sobre a permanência de Ceni na meta da equipe em 2014.

Na última sexta-feira, parte do elenco do São Paulo foi realizar exames já de olho na próxima temporada. Ceni foi ao HCor junto do grupo e também passou pelo procedimento clínico-cardiológico. De acordo com Antônio Carlos, porém, a presença do goleiro nos exames seguiu apenas a rotina de planejamento da comissão técnica.

– Fez todo mundo (os exames), um monte de gente que estão falando que vão embora também fizeram. Tomara que ele fique, não foi surpresa não. Sempre que a gente conversa com o Rogério a gente vê ele mais animado do que antes. Nas férias vai descansar um pouco. Acho que ele está mais animado – completou o camisa 4.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*