Aloísio diz que recusou proposta milionária e pede reconhecimento no SP

O atacante Aloísio, do São Paulo, está emprestado pelo Tombense até junho de 2014 e ainda não sabe se terminará a próxima temporada no Morumbi. Nesta quarta-feira, o jogador revelou que recusou proposta milionária de um clube chinês em junho deste ano, e que recusou para permanecer no clube, que lutava contra o rebaixamento. Agora, ele pede o reconhecimento do São Paulo.

“Em junho eu tive uma proposta da China, não sei se ficaram sabendo. Eu estava concentrado pra um jogo da Recopa, contra o Corinthians, quando soube. Eu perguntei para meu empresário, a gente conversou sobre o que tinha. Era uma proposta que iria mudar minha vida, com certeza, mas achei que aquele momento não era hora de sair”, contou.

“O time não estava bem, a situação era ruim, não era o momento de sair. Não fui campeão no São Paulo ainda. Naquele momento falei que não queria. Se eu fiquei na primeira, espero também que as pessoas reconheçam meu trabalho e dedicação pelo clube”, completou Aloísio, em entrevista coletiva no CT da Barra Funda, nesta quarta-feira.

O reconhecimento que Aloísio pede é a contratação definitiva. O São Paulo tem contrato de empréstimo com o jogador e pode exercer o direito de compra em julho do ano que vem. Outra alternativa é a renovação do atual modelo de contrato com o Tombense – clube utilizado pelo agente Eduardo Uram, do jogador, para registrar atletas. O atacante se mostra confiante e diz que teria o contrato renovado se terminasse no fim de dezembro.

“Se meu contrato acabasse agora em dezembro, tenho certeza que o São Paulo me chamaria para renovar. No São Paulo as pessoas sabem valorizar as pessoas que se dedicam pelo clube. Espero a decisão deles”, afirmou. O atacante ainda brincou que depois que recusou a proposta da China, passou longo período se fazer gols, em momento negativo: “Depois que recebi a proposta fiquei um mês sem fazer gol. Foi f…”

Aos 26 anos, Aloísio começou no Grêmio e passou por Chiasso (SUI), Caxias, Chapecoense e Figueirense antes de chegar ao São Paulo. Ele diz que prefere ficar no Morumbi durante alguns anos, e que não quer se transferir para clubes do exterior que não sejam de maior expressão.

“Prefiro jogar no São Paulo do que em um clube de menor expressão fora do país. Espero ficar aqui por bastante tempo”, falou.

 

Fonte: Uol

2 comentários em “Aloísio diz que recusou proposta milionária e pede reconhecimento no SP

  1. Se o SP for renovando os contratos de todos esses “cabeças de bagre”, tal qual fez com o Reinaldo, não vai sobrar espaço, na folha de pagamento, para jogadores com nível adequado para jogar no nosso time. . .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*