Alguém me disse

Rola pelas alamedas do Morumbi que Cleiton Xavier poderá ser anunciado ainda esta semana. A negociação estaria sendo feita diretamente com o empresário do jogador, que está atuando pelo Metalist Kharkiv. Viria por empréstimo de um ano. Cleiton Xavier tem 30 anos,  ficou conhecido após sua passagem pelo Palmeiras e chegou a ser convocado para a  Seleção Brasileira  em 2009.

 

Paulo Pontes

8 comentários em “Alguém me disse

  1. Só vai mudar o dia em que JJ sair. As coisas ficarão mais claras e todos vão ganhar. Terão paciência e o time não jogará sob pressão (assim espero).

    Do mais, pode vir o time inteiro do barcelona e vestir a camisa do SP que não vai mudar nada.

    • Eu acho que o problema também é o JJ, mas entendo que não é a questão da pressão dele.
      Para mim, como o JJ centraliza e manda em tudo, só as vezes e muito raramente delega algumas poucas coisas a alguns nomes de sua estrita confiança (como foi com o futebol nos tempos do Adalberto Porsche Playboy), os jogadores não levam mais a sério a autoridade de ninguém dentro do clube. De técnicos à vice-presidentes do futebol, todos são atropelados. Por isso, os jogadores brincam de faz de conta com o JJ e fazem o que bem entendem, ou melhor, o que seus empresários mandam.

  2. Genérico do Cicero. Se o Cicero não deu certo no São Paulo, mas deu certo por todos dos clubes por onde passou, por que alguém acharia que o Cleiton Xavier vai dar certo no São Paulo?
    Por sinal, nos últimos anos NINGUÉM dá certo no São Paulo. Alguém explica? Até o Silvinho que por aqui era tratado como se fosse um deficiente mental conseguiu arruinar com o São Paulo ontem. Chega no São Paulo, ninguém inexplicavelmente joga.

    • Caro Regis, suas pertinentes observações, me levaram a tentar uma resposta com outra pergunta e com base em uma das declarações do colombiano recém contratado: “Quero me adaptar rápido ao estilo de jogo do time e poder ajudar”, outros já falaram a mesma coisa.
      Desde quando estamos sem estilo de jogo? Quem consegue se adaptar à confusão que é o SP dentro de campo?
      Abraço.

      • Caro Fernandes, se você ou alguém descobrir qual o nosso estilo de jogo, me avise. Eu não consigo entender. Até hoje. E acho que vamos ficar um bom tempo, sem estilo algum.

        • Como você quer ter um estilo de jogo se:

          1 – A zaga não passa confiança nem pra sair jogando – pra quem o rogério vai passar a bola?

          2 – Os volantes não marcam, nosso meio campo sempre é dominado, e sobra pros zagueiros que são horríveis roubarem a bola.

          3 – Ok, a zaga pegou a bola e… cade o Ganso pra eles passarem?

          4 – Ganso toca a bola pro Douglas e já era. Ele perde.

          5 – Luis Cone Fabiano, quando é marcado, não faz nada.

          Pode ver que agora que temos um lateral esquerdo digno, começamos a ter um estilo de jogo, mesmo que limitado sempre passando pelo lado esquerdo, mas dá pra ver que por alí flui. É só contratar gente com qualidade! Ponto, não tem formula secreta.

          Acho que se o Cleiton Xavier vier mesmo, ele, Souza e Ganso no meio já da um combate maior por alí. Mas ainda estamos longe de termos uma zaga com personalidade e que preste; uma lateral direita; e um ataque.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*