Alex Silva reitera paixão pelo São Paulo e projeta seguir os passos de Ceni

Alex Silva afirma ter ficado satisfeito com o anúncio do presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio, que manifestou intenção de comprar os direitos econômicos do zagueiro, pertencente ao Hamburgo. O jogador já adiantou que não quer mais retornar à Alemanha, declarando-se um atleta apaixonado pelo São Paulo.

O empréstimo ao time do Morumbi vence em julho. Alex Silva se espelha em Rogério Ceni e projeta encerrar a carreira no São Paulo.

“O coração bateu mais forte pelo São Paulo. Já tinha dito que o Flamengo queria me contratar antes, mas eu quis voltar para cá. Sou são paulino fanático. Daqui não terei mais vontade de sair. O Rogério é um mito, mas se eu conseguir metade do que ele conquistou, já será muito bom”, disse.

O discurso de amor ao São Paulo se estendeu à família do jogador. “A primeira camisa do meu filho quando nasceu foi a do São Paulo. Minha esposa queria pôr a camisa do Inter, a família dela é gaúcha, mas não deixei”, brinca.

Os valores para a compra dos direitos de Alex Silva não são revelados pelo São Paulo. O zagueiro conta que está “mais barato” após duas cirurgias no joelho.

A permanência de Alex Silva é dada como prioridade. Miranda programou saída para o fim de junho, quando defenderá o Atlético de Madrid. Uma eventual perda de Alex Silva resultará em uma intensa procura no mercado, teme a diretoria.

Parte dos direitos de Alex está ligado ao empresário Juan Figer, que possui bom relacionamento com a diretoria.

Do Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*