Além de troca, Grêmio pode pedir compensação financeira por Souza

O Grêmio já sinalizou que topa liberar o volante Souza ao São Paulo em troca da permanência definitiva do zagueiro Rhodolfo, que está emprestado até o meio do ano, mas pode dificultar as tratativas ao pedir também uma compensação financeira.

Os paulistas entendem que os valores de mercado dos jogadores são parecidos. Para ficar com 100% dos direitos econômicos de Rhodolfo, o clube interessado deve pagar 5 milhões de euros (mais de R$ 16 milhões) – o Atlético-PR tem direito à metade. Já Souza teve 50% dos seus direitos comprados pelo Grêmio por 3 milhões de euros, pagos pelo Grêmio ao Porto (POR) no início de 2013. O clube português e o empresário Carlos Leite dividem a outra metade.

O Tricolor gaúcho pode usar como argumento o fato de Souza, 24 anos, ser mais novo que Rhodolfo, que está com 27. Por outro lado, o São Paulo defende que seu zagueiro é constantemente assediado por equipes do exterior e precisará ser liberado imediatamente pelos gaúchos em caso de venda.

– Se a negociação realmente acontecer, o Grêmio quer que haja um equilíbrio. Pode ser com compensação financeira ou desportiva. Precisamos saber o que o São Paulo está pensando – disse Rui Costa, diretor-executivo do Tricolor gaúcho.

No caso de “compensação desportiva”, um dos nomes que agradam aos gaúchos é o de Osvaldo, atacante que está em baixa no Morumbi. No entanto, os valores assustaram. Os gaúchos aindam aguardam uma proposta oficial por Souza, que garante estar focado.

– Conversei com ele, que está muito focado e é um excelente profissional. Ele sabe que tem contrato com o Grêmio e está muito dedicado na pré-temporada – completou Rui Costa.
Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*