Aguirre diz que quer manter o time com os pés no chão

Diego Aguirre tem apenas 21 jogos à frente do São Paulo, mas o desempenho do time em campo, ainda mais com a entrega mostrada pelos jogadores, faz parecer que o trabalho do técnico vem de mais tempo.

A vitória por 1 a 0 sobre o Flamengo na quarta-feira, no Maracanã, foi a décima sob o comando do uruguaio – além de sete empates e quatro derrotas – e colocou o Tricolor a apenas um ponto do ainda líder rubro-negro no Campeonato Brasileiro.

Isso coloca o São Paulo como um dos favoritos ao título da competição nacional após 13 rodadas? Para Aguirre, não. No Seleção SporTV desta quinta, o técnico tricolor repetiu o discurso “jogo a jogo”:

– Aos poucos, eu sinto que estamos consolidando o time, ficamos mais fortes, mas é muito difícil. Isso está começando. Agora temos o Corinthians, jogo importantíssimo, não dá para falar em favorito nem de candidato, nada. Nós temos que ir jogo a jogo e ver como vão acontecendo as coisas porque temos muito pela frente. É importante que o time vá melhorando e pegando confiança.

Aguirre tem 21 jogos à frente do São Paulo, com dez vitórias (Foto: Leandro Canônico)

Aguirre tem 21 jogos à frente do São Paulo, com dez vitórias (Foto: Leandro Canônico)

A sequência do São Paulo é difícil no Brasileirão: depois do clássico de sábado, no Morumbi (onde o time de Aguirre está invicto), enfrenta Grêmio e Cruzeiro fora de casa.

Ao mesmo tempo em que mostra confiança, Aguirre quer manter os pés no chão, também em relação à torcida, que deve lotar o Morumbi no sábado à noite. Sobre a definição do Brasileirão, o uruguaio acredita que isso acontecerá somente na reta final:

– Eu não tenho dúvidas que esse campeonato será definido pelo mês de novembro. Então, temos que estar nas primeiras posições para ver no fim do ano o que acontece. Não gosto de falar de campeão, nada disso, porque eu sinto que falta muito trabalho para fazer, não quero gerar uma expectativa maior que realmente podemos ter. Eu sei que a torcida está gostando, que vai lotar o Morumbi, esse apoio é espetacular… Temos que ter os pés no chão e ver o que vai acontecendo – completou Aguirre.

Fonte: Globo Esporte

6 comentários em “Aguirre diz que quer manter o time com os pés no chão

  1. Vocês não entenderam a minha ironia. A minha intenção foi dar um puxão de orelha naqueles que vinham denegrindo a imagem do nosso treinador e do Raí. Ainda estão me devendo o zagueiro de condomínio, mas a hora ainda vai chegar, vamos aguardar

    • A dona da pensão tá boa ? Já foi dar comida para os cachorros hoje?
      Cuida da sua vida. Some daqui curintia.
      Você só pode estar de brincadeira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.