Após ser lateral e volante, Rodrigo Caio quer seguir na zaga em 2014

Rodrigo Caio foi um dos poucos jogadores que conseguiu tirar proveito da crise vivida pelo São Paulo em 2013. Reserva no início do ano, o jogador virou um curinga do Tricolor em meio à má fase e se firmou como um dos raros destaques da equipe. Agora valorizado, o garoto de 20 anos quer esquecer as improvisações e se fixar como zagueiro em 2014.

– Minha preferência é jogar na zaga, onde me formei na base. Mas deixo a decisão para o Muricy. Estou à disposição – afirmou.

Zagueiro nas divisões inferiores, ele passou a atuar como volante por ser considerado baixo para a posição – tem 1,83m. Ele seguiu no meio de campo ao ser promovido para os profissionais, em 2011, e também chegou a ser improvisado como lateral-direito em alguns momentos.

Muricy, por enquanto, se mostra satisfeito com as atuações do garoto e não dá pistas de que pretende mudar o setor. Ele vem sendo mantido como titular ao lado de Antônio Carlos mesmo com outros zagueiros à disposição. Rafael Toloi, um dos jogadores preferidos da diretoria, e Edson Silva não passam de opções no banco. Paulo Miranda está na lateral.

A defesa do São Paulo, aliás, recebeu críticas pela atuação na derrota por 3 a 1 para a Ponte Preta, na última quarta-feira, pelas semifinais da Copa Sul-Americana. Rodrigo Caio, porém, prefere dividir a culpa pelas falhas com toda a equipe.

– Quando tomamos um gol, o erro é de todo mundo. Todo mundo precisa melhorar e dar um pouco mais para conseguirmos reverter isso – disse.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*