O São Paulo de 1953

Outro time do São Paulo campeão paulista. Já havia uma renovação no plantel.

Em pé:
Alfredo, Desordi, Pé-de-Valsa, Poy, Mauro e Bauer.

Agachados:
Maurinho, Albella, Gino, Negri e Teixeirinha.

8 comentários em “O São Paulo de 1953

  1. Meu pai que era palmeirense me levou pra ver Palmeiras e São Paulo no pacaembu. Eu tinha sete anos nessa época e o São Paulo passeou esse dia. Essa escalação está na minha cabeça e eu não vou esquecer nunca.

  2. no campeonato paulista de 1953 o SPFC realizou uma façanha raríssima no futebol…..14 vitórias seguidas!!!!…..eu era criança,acompanhava os jogos do São Paulo pela Rádio Record,com Geraldo José de Almeida,sãopaulino roxo….

  3. Comecei a ser sampaulino após esse título, com 8 anos de idade. Meu pai, corintiano, me levava ao Pacaembú para ver jogos dos gambás. Não me induziu e passei a ser o 1° tricolor na família. Hoje somos muitos, felizmente.

  4. Creio que todos esses jogadores já passaram à eternidade; mas deixaram em nossas lembranças a imagem de um SPFC inesquecível – Campeão Paulista de 1953
    Me lembro do retorno da delegação para SPaulo – ligado na Radio Panamericana e ouvindo outro sampaulino – Estevam B.Sangirard no Revivendo a Rodada e com entradas de outro sampaulino inesquecível – Geraldo Jose de Almeida que narrou os gols de Maurinho, Albella e Negri.

  5. Dois meias argentinos que davam qualidade e toque de bola ao time. Nessa época, pré-Canhoteiro, meu ídolo era Albella, o El Atômico, como ressaltava o inesquecível Geraldo José de Almeida em suas transmissões dos jogos do Mais Querido!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*