Ataque do São Paulo – 1960

Este ataque do São Paulo tinha três desconhecidos e dois craques: Faustino, Ailton, Bahiano, Jair da Rosa Pinto e Canhoteiro.

5 comentários em “Ataque do São Paulo – 1960

  1. podem falar do Guarrincha que foi um grande ponta. Mas o Canhoteiro foi muito,
    mas muito melhor que o Guarrincha. Voces não acreditam mas na ponta que o Canhoteiro jogava ficava pelo menos 500 a 1.000 sampaulinos para asistir de perto.
    E no segundo tempo, todo o pessoal mudava de lado para assistir o mágico.
    Em 1 metro quadrado ele fazia dribles que geralmente o marcador ficava sentado na grama sem tocar na bola!!!! Soube que antes de vir para o S.Paulo, no nordeste ele treinava com pires para por no joelho. Infelizmente, quem matou o Canhoteiro foi o Maurinho que levou para o vicio da maldita pinga! Eu trabalhava
    no centro de S.P.(R.São Bento), e muitas vezes via os 2 logo de manhã no buteco
    tomando a branquinha!

  2. Tenho orgullo de ser Faustino no sobrenome e no sangue era boas época do furacao tricolor porque hoje com esta gestao o tricolor custa a ventar…enquanto estiver aidar e sua coja gambastica o spfc sempre sofrera os papeis inverteram e hoje quem sofre somos nos…tomara q possamos sai dessa em breve fora aidar vai vazarrrr…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*