A guerra política, a dano do São Paulo

Amigo são-paulino, leitor do Tricolornaweb, o São Paulo continua vivendo momentos de turbulência causados pela guerra política que se instalou no clube, após as divergências públicas e rompimento entre o ex-presidente Juvenal Juvêncio e o atual, Carlos Miguel Aidar.

Os fatos revelados na última reunião do Conselho Deliberativo são de extrema gravidade. Se é legal que a namorada ou seja lá o que for de Aidar receba comissão sobre o que trouxer de lucro para o clube, me parece ser bem imoral que isso seja levado a efeito. E convenhamos de 20 por cento é um número muito alto, não visto em nenhum ramo de comissionamento por vendas, a não ser agências de publicidade, que já possuem esse percentual há muitos anos.

Fico indignado com aqueles, dentro do Morumbi, que tentam justificar o fato atacando Juvenal. Que Juvenal Juvêncio causou um mal sem tamanho para o clube, isso é fato. Ao rasgar o estatuto e se “perpetuar” no poder, jogou o São Paulo no lugar comum de todos os outros. Mas não podemos esquecer que o artífice jurídico deste golpe foi Carlos Miguel Aidar. Se Aidar está fazendo algum mal ao Tricolor, a culpa também é de Juvenal, pois foi ele quem elegeu o atual presidente. Mas Aidar tem que pagar pelo que está fazendo de errado.

Então me pergunto: e se o eleito fosse Kalil Rocha Abdalla? Meu Deus. Vejam o que ele fez na administração da Santa Casa. Isso por si só responde minha pergunta.

O fato, meus amigos, é que o São Paulo se encontra numa situação muito difícil em sua área administrativa. Diria, até, que estamos, nesse momento, em situação muito pior que Corinthians e Palmeiras. Uma coletiva convocada pelo presidente do clube para explicar comissão de sua mulher, é algo que nunca vi na história do Tricolor. E deixo claro: é claro que ele deve, sim explicação. O que contesto é o fato do assunto existir.

Outra coisa: sou sócio do São Paulo há muitos anos. Nasci lá dentro. E para o social, nada pode ser falado contra Juvenal. Mas oito meses que ele está fora, o clube está vivendo uma penúria, em muitos setores. Falta limpeza, insetos proliferando e falta de comando em vários setores, culpa absoluta da má gestão de Carlos Miguel Aidar nessa área, mormente pelos diretores que nomeou para esses cargos

Ainda acredito que Carlos Miguel Aidar vai mudar essa situação e montar um time que nos dará alegria em 2015. Um time que esteja em condição de ganhar a Libertadores, o Brasileiro e o Mundial. Creio que Carlos Miguel Aidar vai deixar de lado as picuinhas políticas e melhorar a relação com o sócio. Não tenho o menor prazer de publicar fatos como aquele de Cotia, que me causou um processo, o qual venci, muito menos esse, da comissão de 20 por cento. Mas, para o bem do São Paulo, por mais que dedique meu apoio ao presidente, acreditando que ele vai mudar, não vou me calar. O Tricolornaweb é o site que está com o São Paulo e fará tudo para que o nosso Tricolor não seja lesado por ninguém.

19 comentários em “A guerra política, a dano do São Paulo

  1. Penso que o que está acontecendo é que o clube SPFC, também está passando pelo mesmo processo de purificação tal qual passa o país. Seria ingênuo acreditar que uma instituição por onde passa milhões e milhões de reais não tentaria a sanha de nossos queridos bem e intencionados comandantes. O problema é quando se coloca o interesse do clube em segundo lugar, aí fica complicado pois descamba para as vantagens individuais a qualquer preço. Isso não é retrocesso é avanço, espero que isso se reflita no Conselho, Estatuto e Regimento Interno através de uma legislação mais protetiva aos interesses do clube, com uma redução na autonomia do grupo que estiver a frente no momento.

  2. Ate outro dia, o JJ era ditador e incompetente…

    Hoje ele representa a “democracia”

    Quem poderia imaginar imaginar uma “uniao” entre Paulo Amoral, LuLLa “et caterva” ?

  3. Depois de voltar ao topo do mundo e ser exemplo para todos com o grande Marcelo Portugal Gouveia, o SPFC caiu em desgraça nas mãos do CORINTIANO Juvenal JUMENCIO e agora com esse presidente fanfarrão. Nunca vi um absurdo tremendo como esses, sua namorada recebe 20% dos negócios do São Paulo, isso só pode ser brincadeira. Esse presidentinho que arquitetou o golpe no estatuto para deixar aquele cachaceiro safado no poder agora me inventa uma merda dessas, do tamanho da sujeira desse país.

    Lamentável que depois de 9 anos sem o MPG o SPFC se tornasse essa ZONA administrativa que reflete nas conquistas do clube, pois já se vão 7 anos sem grandes campeonatos e dois sem nada, mesmo com uma folha salarial absurda.

  4. Paulo Pontes
    Quero registrar aqui minha grande admiração por você.
    Você é provido de ilibado caráter e tem a alma transparente. Suas posições são sempre a favor da verdade ( ou do pareça ser a verdade no momento ) . Não quer aparecer e nem se beneficiar à custa do São Paulo . Sãopaulino fanático é possível até para os menos sensíveis sentir que você trás o nosso Tricolor à flor da pele.
    Parabéns Paulo Pontes e que você continue sendo a voz de milhares de são-paulinos.
    Feliz Natal e Próspero Ano Novo.
    Giacomo
    dez/2014

      • Os PTralhas sempre se escondem atras de conceitos subjetivos como “interpretar”…
        O “companheiro ministro” Tofolli que o diga…

        Sera que ha algo de “bom para se salvar” no Hitler, Stalin?
        Os PTralhas adoram ditadores…

  5. Quanto a sua cobertura como jornalista competente
    nem preciso dizer nada.
    Lembra-me gente de porte de vivencia no radio antigo
    como Pedro Luis, Mario Moraes, Fiori Giglioti, Mauro Pinheiro,
    Enio Rodrigues, Flavio Araujo, Osmar Santos, Edson Leite,
    dentre outros, fui formado por essa turma,
    talvez por isso seja um pouco exigente.
    Adorava essa turma, acrescentaram muito na minha vida.

  6. Parabéns Paulo Pontes pelo amor a Instituição e por demonstrar de forma imparcial (politicamente falando) os fatos do nosso Tricolor.
    O SP precisa de pessoas sérias como você.
    Quanto a minha opinião, concordo contigo, acredito no Aidar – acho que ele pode melhorar as coisas do ponto de vista do futebol e Cotia.
    Acredito também que ele pode modernizar as coisas e fazer mais pelo SP do que JJ estava fazendo (principalmente no seu ultimo mandato).
    Continuarei acompanhando sempre o Tricolonaweb (como já o faço a uns 5 anos)…. e principalmente acompanhando essa fase política.

  7. Olha Paulo, não é por falta de gente competente que este clube não vai andar, mas do jeito que a coisa anda o caminho é igual ao Palmeiras em sua área política.

    O cara vir a público explicar o que a mulher dele está fazendo lá é tratar o SPFC como o quintal da própria casa.

    Hoje saiu uma notícia de que o SPFC assinou um pré-contrato com a PUMA a mesma que o Aidar disse ontem que foi a Cinira quem trouxe, ou seja, estamos só no começo e o começo já está cheio de problemas, na verdade não são problemas são sujeiras mesmo. Imagine 3 anos com este cara no poder.

    Muita gente boa do SPFC na própria oposição, tipo Eduardo Mesquita Pimenta que foi acusado com provas falsas no passado.
    Mas é o que me disseram….ele nunca mais voltará ao poder no SPFC.

    Talvez porque quem gosta de coisa errada ainda esteja lá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.